Mais Lidas

Técnico do Real acha difícil unir Messi e Cristiano Ronaldo no mesmo time

Craque português revelou que desejava jogar ao lado do atacante argentino do Barcelona

Por victor.abreu

Carlo Ancelotti acredita que será difícil que os dois maiores craques do futebol atuarem juntosReuters

Espanha - Cristiano Ronaldo disse na última segunda-feira, horas antes de ser eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa pela terceira vez na carreira, que gostaria de jogar junto com Lionel Messi, mas na opinião do técnico do Real Madrid, Carlo Ancelotti, dificilmente a parceria acontecerá.

LEIA MAIS: Kroos revela que se surpreendeu com Neuer perdendo para Messi

"Cristiano é uma bandeira do Real Madrid, e Messi é do Barcelona. Neste sentido, é difícil pensar que possam jogar juntos porque cada um tem sua equipe e sua história. Mas, é claro, ter os dois juntos seria uma grande coisa para esse time", declarou o treinador italiano em entrevista coletiva nesta quarta-feira.

Ancelotti também comentou a polêmica criada em torno de uma jogada do meia-atacante Gareth Bale na vitória sobre o Espanyol por 3 a 0, no último sábado. Quando o placar já era de 2 a 0, o galês arrancou e, dentro da área, preferiu o chute em vez de tocar para Cristiano Ronaldo, que não escondeu seu descontentamento.

"Vi a jogada, e me pareceu complicado passar essa bola. Não precisei falar disso com Gareth, ele vem jogando muito bem. Teve uma exibição fantástica contra o Espanyol e o vejo em uma condição física ótima", elogiou.

"Um companheiro se queixar do outro em campo não significa que não entendimento entre os dois. A relação de Bale e Cristiano é ótima", garantiu.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia