De pai para filho: Mogi Mirim vence o Macaé com gols de Rivaldo e Rivaldo Jr.

Meia pentacampeão mundial deixou o seu de pênalti e viu Rivaldinho marcar duas vezes para garantir o triunfo por 3 a 1

Por edsel.britto

Mogi Mirim - De pai para filho. Foi assim que o Mogi Mirim conseguiu voltar a vencer na Série B. Com gols de Rivaldo e de Rivaldo Jr., o Sapo bateu a equipe Alvianil por 3 a 1 nesta terça-feira, no estádio Romildo Ferreira. Foi o primeiro gol do meia pentacampeão mundial em 2002 desde o seu retorno ao futebol. Já o filho do presidente do clube, Rivaldinho fez os outros dois gols da equipe do interior paulista. Pipico, no segundo tempo, descontou para os visitantes. 

"Tenho só que agradecer a Deus, porque depois de 15 meses parado pude voltar, ter a felicidade de iniciar um jogo ao lado do meu filho e fazer um gol, e ele dois. Ainda tem 45 minutos, precisamos ficar atentos, mas estou muito feliz", disse o sorridente Rivaldo, ao final do primeiro tempo.

"Poucos têm a sorte de ter um pai pentacampeão em casa. Primeiramente, agradeço muito a Deus, e segundo ao meu pai, porque nesses últimos meses só ele sabe o que eu passei, e ele sempre me apoiou muito. Tudo o que sou hoje eu tenho que agradecer a ele", afirmou Rivaldo Jr.

O resultado levou o Mogi Mirim aos 10 pontos, tirando a equipe da lanterna da competição. O rendimento do time paulista, aliás, melhorou depois que Rivaldo, que também é presidente do clube, resolveu largar a aposentadoria e voltar aos gramados. Desde então, foram dois jogos, com uma vitória e um empate.

Na próxima rodada da Série B, o Mogi Mirim terá pela frente o Ceará, somente no dia 25, no Castelão. Já o Macaé, agora em oitavo lugar, com 21 pontos, volta a campo na próxima terça-feira, contra o Paraná, na Região dos Lagos.

FICHA TÉCNICA

MOGI MIRIM 3x1 MACAÉ

Estádio: Estádio Romildo Ferreira (SP)
Árbitro: Everton Gomes da Silva (GO)
Gols: Rivaldo Júnior (Mogi Mirim, aos 3' e aos 40' do 1ºT), Rivaldo (Mogi Mirim, aos 17' do 1ºT) e Pipico (Macaé, aos 34' do 2ºT)
Cartões amarelo: Daniel, Magal e Henrique Motta (Mogi Mirim); Dos Santos e Brinner (Macaé)
Cartões Vermelho:

MOGI MIRIM: Daniel; Edson Ratinho, Renato Camilo, Paulão e Luan; Magal, Léo Bartholo e Rivaldo (Henrique Motta); Serginho, Geovane e Rivaldo Júnior (Ortigoza)
Técnico: Sérgio Guedes

MACAÉ: Rafael; Max, Douglas Assis, Brinner e Diego Corrêa; Dos Santos (Alisson), Juninho, Eberson (Bruno Santos) e Fernando Santos (Giovani); Pipico e Anselmo
Técnico: Marcelo Cabo

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia