No Bayern, Rafinha abre mão da seleção brasileira para defender a Alemanha

Lateral teve desconvocação comunicada pela CBF e deseja defender campeã mundial quando conseguir o passaporte

Por jessica.rocha

Alemanha - O lateral-direito Rafinha abriu mão da seleção brasileira para alcançar outros voos na carreira. O brasileiro, convocado por Dunga para as duas primeiras rodadas das eliminatórias para Copa do Mundo de 2018 devido à lesão de Daniel Alves, teve desconvocação anunciada pela CBF após pedir dispensa. Na Alemanha há mais de dez anos, o jogador do Bayern de Munique revelou desejo de defender a atual campeã mundial.

"Não venho sendo chamado regularmente, não sou uma das principais opções em minha posição, considerando que há outros profissionais na minha frente", disse o lateral-direiro do Bayern.

Rafinha abre mão da seleção brasileira para defender a AlemanhaDivulgação

Em nota, a CBF entendeu a decisão do brasileiro: "Respeitamos a opção do jogador, elogiamos a sua transferência e estamos executando o cancelamento da convocação de Rafinha. A CBF entende que somente jogadores integralmente comprometidos com a Seleção e nossa filosofia de trabalho podem fazer parte do grupo que representa o Brasil pelos gramados de todo o mundo".

Rafinha já vinha sendo especulado pela seleção alemã desde agosto do ano passado, quando Philipp Lahm, que anunciou aposentadoria após o título mundial, o indicou para substituto à vaga. O brasileiro poderá ser chamado pelo técnico Joachim Löw assim que conseguir tirar o passaporte.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia