Jornal diz que Neymar será condenado por sonegação de imposto de renda

Atacante brasileira poderá ter que pagar R$ 188,8 milhões

Por pedro.logato

Rio - Investigado pela Justiça da Espanha, Neymar foi considerado culpado por sonegação de imposto de renda, conluio e fraude por uma corte administrativa da Receita Federal do Rio de Janeiro, segundo informações da "Folha de S. Paulo". A decisão teria sido tomada no última dia 4. O craque teria omitido rendimentos pagos por Santos, Barcelona e a Nike, um de seus patrocinadores.

Neymar será condenado por sonegaçãoEfe

"Analisando-se os atos e negócios jurídicos levados a efeito pelo contribuinte, as três empresas mencionadas e seus sócios, é possível confirmar que foram praticados por eles negócios jurídicos simulados, fraudulentos", afirmou auditora fiscal Claudia Develly Montez, relatora do caso, em entrevista ao jornal.

O atacante é acusado de utilizar as empresas, Neymar Sport e Marketing, N&N Consultoria e N&N Administração de Bens, para não pagar cerca de R$ 63,6 milhões de impostos entre 2012 e 2014. Neymar terá que pagar R$ 188,8 milhões pelos impostos atrasados, com juros e multas. A decisão ainda cabe recurso.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia