Outra derrota e desespero

Vasco perde para o Vitória e só fica fora do Z-4 por ter melhor saldo de gols que o Sport

Por

Wagner conduz a bola no Barradão: Vasco segue seu calvário no Brasileiro -

Sem vencer como visitante no Brasileiro quatro empates e sete derrotas , o Vasco segue ameaçado de rebaixamento. Após o revés de 1 a 0 para o Vitória, no Barradão, a equipe de Alberto Valentim só se mantém fora do Z-4 graças ao saldo de gols, já que está empatado em 24 pontos com o Sport, primeiro time na zona da degola o Ceará também tem a mesma pontuação, mas uma vitória a menos. Para piorar, o treinador amargou a quarta derrota em seu quarto jogo no comando. Resta buscar a redenção contra o Flamengo, sábado, em Brasília.

O Vasco foi a campo sem Pikachu, surpresa de última hora de Alberto Valentim, que optou por poupar o meia e deixá-lo como opção no banco de reservas. Mesmo com três volantes, o time começou melhor e Luiz Gustavo, aos 8, quase abriu o placar. Mas o Vitória equilibrou as ações e Léo Gomes, aos 14, obrigou Martín Silva a difícil defesa em um confronto disputado mais na base da transpiração do que da inspiração. A pisada na bola de Léo Ceará, ao tentar dominá-la, foi o retrato da ansiedade misturada com vontade por parte das equipes, que ficaram no 0 a 0 no primeiro tempo.

Alberto Valentim teve que rever seus planos sobre Pikachu no início da segunda etapa. Cansado, Wagner deu lugar ao camisa 22, que, aos 20, mandou bola na trave. Mas quem balançou a rede foi o Vitória. Aos 27, Erick recebeu passe de Meli, em falha da defesa, e tocou na saída de Martín Silva. Aos 29, Pikachu se desentendeu com Lucas Ribeiro, foi expulso e o Vasco não reagiu.

 

Galeria de Fotos

Wagner conduz a bola no Barradão: Vasco segue seu calvário no Brasileiro Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
Falhas nos últimos jogos arranharam a imagem de Martín Silva Rafael Ribeiro/Vasco

Comentários

Últimas de Esporte