Zé Roberto lamenta desempenho do Brasil no vôlei em dura derrota para a Sérvia

Seleção perdeu por 3 sets a 0 para as europeias

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Zé Roberto Guimarães é o treinador da Seleção
Zé Roberto Guimarães é o treinador da Seleção -

Hamamatsu - O técnico José Roberto Guimarães criticou a atuação defensiva da seleção brasileira feminina de vôlei na derrota por 3 sets a 0 para Sérvia, nesta segunda-feira, pela terceira rodada do Campeonato Mundial, disputado no Japão.

"A nossa relação entre o bloqueio e a defesa não funcionou e quando não tocamos na bola o jogo se torna difícil. Não conseguimos defender algumas bolas importantes. Tivemos três bloqueios e a defesa não funcionou", disse o treinador, que elogiou a atuação das adversárias Tijana Boskovic e Brankica Mihajlovic.

"A Sérvia tem duas das melhores atacantes do mundo de bolas altas, a Boskovic e a Mihajlovic. Se o bloqueio não consegue amortecer as bolas ou a defesa jogar para cima e fazer o time delas jogar, fica complicado", afirmou Zé Roberto, que durante o jogo chegou a perguntar para suas jogadoras em um tempo técnico sobre quem "iria parar esta mulher?", referindo-se a Boskovic. "Ela foi ganhando confiança, cada vez batendo mais forte, com mais vontade. Ela errou cinco saques, mas o mais fraquinho que ela bateu atingiu 90 quilômetros por hora."

Boskovic tem 21 anos, mede 1,93 metro e seu alcance para atingir a bola é de 3,15 metros do solo. Ela fez 24 pontos contra o Brasil. Mihajlovic, de 27 anos, mede 1,90m e atinge a bola a 3,02 metros. E contra o Brasil anotou 15 pontos. A seleção sérvia foi medalha de prata na Olimpíada do Rio, em 2016, e é atual campeã europeia.

Últimas de Esporte