Maxi garante Vasco focado na 'decisão' contra o Ceará

Futuro do argentino em São Januário está ligado à permanência do time na Série A

Por

Maxi López quer o Vasco ligado para se manter na Primeira Divisão -

Rio - Maxi López abraça a liderança que conquistou com a camisa do Vasco na decisão com o Ceará, domingo, no Castelão. Com sete gols e seis assistências no Campeonato Brasileiro, o argentino não se considera preocupado, mas focado na missão que definirá o futuro do clube. Para se manter na Série A e não depender de outros resultados na última rodada, o Cruzmaltino, 15º colocado, com 42 pontos, precisa do empate em Fortaleza.

"Não estamos preocupados, mas focados. Quando cheguei já esperava brigar até o fim. Vamos fazer de tudo para ficar na Série A. Temos que ser inteligentes e fazer um jogo adaptado à situação. Vamos tentar ganhar, mas o empate também é bom para nós", destacou o camisa 11.

Com contrato até dezembro de 2019, Maxi López está valorizado no mercado. Aos 34 anos, reencontrou o bom futebol e o caminho do gol no Brasil, mas evitou adiantar se continuará na Colina. "Não é o momento de falar da minha permanência, tem muita coisa ainda para acontecer. Tenho que focar no objetivo e é essa a mensagem que eu quero passar para meus companheiros", disse.

O futuro de Maxi no Vasco está diretamente ligado à continuidade do time na Primeira Divisão, assim como os planos de reformulação do elenco. Muito querido entre os torcedores, o atacante promete mostrar a conhecida garra e o apurado faro de gol em Fortaleza.

"Tenho uma visão bonita, gosto de ser referência para o time, é uma responsabilidade que eu gosto. Dentro de campo dou meu máximo para ajudar o time e meus companheiros", promete Maxi.

Para uma despedida digna e sem trauma do Campeonato Brasileiro, o Vasco precisará não apenas de Maxi López, mas de todos em um bom dia.

 

Henrique será baixa em Fortaleza

O temor do técnico Alberto Valentim se confirmou com o veto médico a Henrique para o confronto com o Ceará. O exame de imagem confirmou o estiramento de grau 2 na coxa esquerda do lateral-esquerdo. Ramon, que rompeu os ligamentos do joelho esquerdo contra o São Paulo, já era desfalque para a posição.

O volante Willian Maranhão é o mais cotado para ser improvisado na vaga, mas Fabrício corre por fora na disputa. Desábato, que deixou o jogo contra o Palmeiras com dores musculares, não teve lesão alguma diagnosticada e está à disposição.

Para a função de Pikachu, suspenso, Marrony é o favorito na disputa com Andrés Ríos para o jogo de domingo.

Comentários

Últimas de Esporte