Casagrande desabafa sobre final da Taça GB: 'Ser humano em segundo plano'

Comentarista criticou as cenas lamentáveis na decisão

Por O Dia

Casagrande
Casagrande -

Rio - Durante o "Bem, Amigos!" da última segunda-feira, Casagrande desabafou sobre as cenas lamentáveis na decisão da Taça Guanabara. Para o comentarista, faltou sensibilidade de todas as partes.

"Foi egoísmo. […] Ninguém pensou, na forma que o Brasil está passando, principalmente nos últimos dez dias. E o mais sensato seria que os diretores chegassem a um acordo e promovessem a partida de uma forma pacífica, em paz, chamassem o torcedor, fizessem um grande evento, uma grande final da Taça Guanabara e, ainda por cima, contribuíssem com bom senso e sensibilidade que o povo brasileiro está merecendo nesse momento", afirmou Casão.

O ex-jogador também relembrou as tragédias recentes que ocorreram no Brasil.

"O povo brasileiro, o ser humano está em segundo plano no Brasil. Há muita falta de sensibilidade emocional. Então, por exemplo, Mariana, Brumadinho, os temporais no Rio de Janeiro, a tragédia do CT do Ninho do Urubu foram porque o ser humano está em segundo plano", declarou o comentarista.

 

Comentários