Atacante do Paraná é ameaçado de morte após vazamento de foto com a camisa do arquirrival na web

Jogador está apavorado com a repercussão

Por O Dia

Andrey Nunes
Andrey Nunes -

Curitiba - Promessa entre os jogadores do Paraná Clube, o atacante Andrey, de 18 anos, teve uma semana díficil após sofrer inúmeras ameaças de morte por parte dos torcedores. A intimidação está acontecendo desde a semana passada após o vazamento de uma foto sua vestindo a camisa do arquirrival Athletico Paranaense quando ainda era criança. 

O jogador recebeu em suas redes sociais mais de 1000 mensagens ofensivas e algumas delas com ameaças de morte para ele e para sua família. Apavorado com a repercussão, Andrey levou a situação à diretoria do Tricolor, que a fim de preservar a integridade física do atacante, optou por não relacioná-lo para o jogo contra o Cascavel CR, que aconteceu no último domingo, e foi vencido pelo Paraná por 4 a 1.

Ao final do duelo, o técnico Dado Cavalcanti falou sobre a ausência do atacante. "O Andrey é um ativo do clube, além de ser um jogador por quem eu tenho um carinho muito especial. Tenho esse apego em relação aos jogadores mais jovens, então sou sempre muito mais cuidadoso ao tomar algumas decisões com esses atletas. Tivemos uma conversa pós-jogo do Rio Branco e decidimos que era necessário ter mais cuidado com o Andrey, que é cria nossa", disse Cavalcanti, mas não citando o motivo da decisão. Ele usou o termo ‘decisão administrativa’ para explicar o afastamento de Andrey.