Jogador da seleção brasileira teve casa assaltada enquanto jogava na Champions

Irmão do jogador brasileiro com convocações seguidas na Seleção teria surpreendido os bandidos e sido ameaçado

Por Lance

Barcelona
Barcelona -

Barcelona - Enquanto do banco de reservas o meio-campista brasileiro Arthur acompanhava o Barcelona (Espanha) vencendo o Liverpool (Inglaterra) pela Liga dos Campeões da Europa, a sua residência na região de Pedralbes, bairro da cidade de Barcelona, era assaltada.

Arthur teve casa assaltada em Barcelona - AFP

Segundo informações da mídia local, dois homens estiveram no local portando armas como uma faca e uma chave de fenda e conseguiram levar alguns itens de valor: jóias e um relógio da famosa marca suíça de itens de luxo Rolex.

O irmão de Arthur teria, inclusive, chegado a casa do atleta brasileiro de 22 anos de idade e foi ameaçado pelos bandidos a demonstrar para os mesmos onde estavam os itens de maior valor na casa. Felizmente, não existe relato de feridos na ação criminosa.

Depois do ocorrido, ele entrou em contato com o jogador que, por sua vez, acionou os responsáveis por aqueles que fazem o serviço de segurança dos jogadores do Barça.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Barcelona AFP
Arthur saiu em defesa do companheiro de seleção AFP