Guilherme Borrajo colocou o Brasil no lugar mais alto do pódio no Mundial  - DIVULGAÇÃO
Guilherme Borrajo colocou o Brasil no lugar mais alto do pódio no Mundial DIVULGAÇÃO
Por O Dia
Rio - O Brasil conquistou um resultado histórico na canoa polinésia. No Mundial de Va'a Longa Distância, realizado em Queensland, na Austrália, na última semana, o país conquistou a sexta colocação no quadro geral de medalhas. Dois brasileiros estiveram no pódio.
As modalidades são canoas V1 (individual) e V6 (com seis atletas). A delegação brasileira, de 52 atletas, fez bonito: Paulo dos Reis foi bronze na V1 Master 40, e Guilherme Borrajo foi medalha de ouro na categoria V1 Parava'a, deixando para trás o taitiano Christian Ti-Paon e o neozelandês George Taamaru. O primeiro lugar no pódio foi inédito para o país. Na modalidade V6 Open, o Brasil se manteve entre os líderes em boa parte da disputa, e o resultado foi a quarta colocação. 
Publicidade
O Mundial de Va'a Velocidade será disputado no ano que vem, em Hilo, no Havaí.