Com realidades distintas, Flamengo e Fluminense lucram em janela europeia

Clubes aproveitaram e negociaram algumas joias

Por O Dia

Pedro no treino do Fluminense
Pedro no treino do Fluminense -
Rio - A janela de transferência europeia fechou e alguns times do Velho Continente reforçaram suas equipes com jogadores brasileiros. Dois grandes cariocas, Flamengo e o Fluminense estão entre os três primeiros clubes do país em valores de transferências. O Atlhetico-PR lidera a lista.
A ida do zagueiro Léo Duarte, de 23 anos, para o Milan, pelo valor de R$ 53 milhões, fez o Flamengo ter a segunda maior venda do futebol brasileiro nesta janela. Léo tem contrato com o clube italiano até a metade de 2024. O zagueiro era titular do time no memento em que se desligou do clube, no início de agosto.
Na terceira posição está o Fluminense, que garantiu a vaga nas últimas horas antes do fechamento da janela, na última segunda. Pedro, de 22 anos, foi vendido à Fiorentina no valor de R$ 50 milhões. O Tricolor ficará com cerca de R$ 36 milhões pela venda, e seguirá com 20% dos direitos do atleta.
Líder do futebol brasileiro na janela de transferências, o Athletico-PR cedeu o lateral-esquerdo Renan Lodi para o Atlético de Madrid pelo valor de R$ 90 milhões. O defensor, de 21 anos, tem contrato com o clube espanhol até 2025.

Comentários