Messi  - (Fifa/Divulgação)
Messi (Fifa/Divulgação)
Por Lance
Itália - Após Luka Modric vencer na temporada passada, foi o prêmio de melhor jogador do mundo voltou a ser dado para Lionel Messi. Com uma temporada individual praticamente perfeita, o argentino voltou ao patamar mais alto do futebol e conquistou pela sexta vez na carreira o título de melhor jogador do mundo.

Foram 50 jogos na temporada, com 51 gols com a camisa do Barcelona, sendo campeão espanhol com o time catalão. Desde 2015 sem conquistar o prêmio, Messi 'superar' Cristiano Ronaldo, e agora é oficialmente o jogador com mais prêmios de melhor jogador do mundo da história do futebol.
Publicidade
MEGAN RAPINOE É A MELHOR JOGADORA DO MUNDO
Principal nome da Seleção Americana na Copa do Mundo Feminina de 2019 na França, com três gols marcados e três assistências, a meio-campista Megan Rapinoe foi eleita como a melhor jogadora do mundo, desbancando a companheira de seleção Alex Morgan, e Lucy Bronze, da Inglaterra.
Publicidade
 
VEJA TODOS OS PRÊMIOS ENTREGUES

PRÊMIO PUSKAS
Primeiro prêmio entregue no evento, o prêmio para o gol mais bonito da última temporada ficou com o húngaro Dániel Zsóri, de apenas 18 anos de idade, com a camisa do Ferencváros, por um gol de bicicleta magnífico, nos acréscimos da partida contra o Debrecen.
Publicidade
MELHOR TREINADOR DO MUNDO
Campeão da Liga dos Campeões da Europa e vice-campeão da Premier League, Jürgen Klopp foi eleito o melhor técnico do mundo, superando Pep Guardiola, do Manchester City, e Maurício Pochettino, do Tottenham.
Publicidade
Publicidade
MELHOR FÃ DO MUNDO
No prêmio dado para as ações mais importantes feitas por torcedores ao redor do mundo, uma família brasileira ficou com o 'título'. Silvia Grecco, e seu filho Nickollas, foram premiados pela entidade. A história da mãe palmeirense que narra os jogos do clube para o seu filho, deficiente visual, ganhou o mundo, e foi eleita pela Fifa como a grande história do ano.
Publicidade
MELHOR GOLEIRA DO MUNDO
Uma das maiores destaques da Copa do Mundo Feminina na França, em 2019, a goleira holandesa Sari van Veenendaal foi eleita a melhor da sua posição na temporada. Eleita como melhor goleira da Copa, Veenendaal também conquistou o prêmio de melhor do mundo da Fifa.
Publicidade
Publicidade
PRÊMIO FAIR PLAY
O prêmio dado para o 'jogo limpo', ficou com Marcelo Bielsa e o Leeds United. Na última temporada da Championship, Leeds precisava de uma vitória para conseguir a vaga direta de acesso à Premier League, e marcou um gol enquanto o jogador adversário estava caído no gramado por conta de uma lesão. No entanto, Bielsa, treinador da equipe, ordenou que o time deixava o Aston Villa marcar para deixar o placar empatado novamente.
Publicidade
SELEÇÃO DO ANO DO FUTEBOL FEMININO
Pela primeira vez na história, a Fifa premiou as 11 melhores jogadoras da última temporada: van Veenendaal (HOL), Lucy Bronze (ING), Wendie Renard (FRA), Nilla Fischer (SUE), Kelley O'Hara (EUA), Amandine Henry (FRA), Julie Ertz (EUA), Marta (BRA), Rose Lavelle (EUA), Megan Rapinoe (EUA) e Alex Morgan (EUA).
Publicidade
Publicidade
MELHOR GOLEIRO DO MUNDO
Campeão da Liga dos Campeões como melhor goleiro da competição, goleiro com menos jogos sem tomar gols na Premier League e campeão da Copa América, Alisson Becker foi eleito o melhor goleiro do mundo.
Publicidade
MELHOR TREINADORA DE TIME FEMININO
Comandante da Seleção Americana, campeã da Copa do Mundo Feminina em 2019, na França, Jill Ellis foi eleita a melhor treinadora de um time feminino na temporada.
Publicidade
Publicidade
SELEÇÃO DO ANO DO FUTEBOL MASCULINO
​O já tradicional 11-perfeito ficou deste jeito, de acordo com a votação dos próprios jogadores: Alisson (BRA), Sergio Ramos (ESP), De Ligt (HOL), Van Dijk (HOL), Marcelo (BRA), Modric (CRO), De Jong (HOL), Hazard (BEL), Cristiano Ronaldo (POR), Lionel Messi (ARG) e Mbappé (FRA).
 
Você pode gostar
Comentários