Narrador ironiza fala de Neymar: 'Se comparar ao Messi é deprimente'

Jornalista também afirmou que o craque brasileiro não tem comportamento profissional de um ídolo

Por O Dia

Neymar
Neymar -
Rio - Prestes a completar 100 partidas pela seleção brasileira, Neymar concedeu entrevista coletiva nesta quarta-feira. Entre os assuntos, o craque brasileiro reconheceu ter privilégios na equipe nacional, mas avaliou isso como natural diante de seu nível técnico, comparando a situação com a de Messi, no Barcelona. O narrador da ESPN, Rômulo Mendonça classificou a comparação como 'patética'.
"O Neymar se comparar ao Messi é deprimente. Ele está querendo esse status, mas o que ele ganhou pela seleção brasileira realmente, que garanta esse status internacional, essa coisa única? Nada."
Em seguida, Rômulo afirmou que o comportamento profissional de Neymar não é de um ídolo de seleção brasileira: "É um cara que é eliminado, e uma semana depois, com uma desculpa patrocinada, ele se dirige à nação brasileira pelo Instagram. Isso não é ser ídolo".

Comentários