Um duelo em ritmo de final para o Botafogo

Alvinegro, que encara um Grêmio de 'ressaca' após a queda na Libertadores, precisa vencer para se manter longe do Z-4

Por

Recuperado de uma torção no pé esquerdo, lesão sofrida diante do Ceará (0 a 0, na Arena Castelão, na 19ª rodada), o volante Alex Santana voltou a ser relacionado pelo Botafogo. O camisa 10 está à disposição do técnico Alberto Valentim para encarar o Grêmio, em Porto Alegre, hoje, às 16h, em compromisso válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, um duelo fundamental para as pretensões alvinegras em relação à fuga da zona de rebaixamento.

Sem atuar há pouco mais de 40 dias, o jogador, que é o artilheiro do time nesta temporada (dez gols), ainda não tem sua escalação entre os titulares confirmada por Valentim. Pesa contra ele a falta de ritmo de jogo e, principalmente, a condição física, que ainda não é a ideal.

Enquanto Alex Santana deve iniciar no banco, o zagueiro Joel Carli está garantido entre os titulares. O argentino, que está fora de ação desde a derrota para o Palmeiras (1 a 0, no Pacaembu), no dia 12 deste mês, já se recuperou de uma lesão muscular na coxa direita.

RESPEITO PELO ADVERSÁRIO

O Botafogo vai enfrentar um rival muito abalado emocionalmente hoje. Mas, de acordo com a análise do técnico Alberto Valentim, já pronto para dar a volta por cima. O Grêmio foi eliminado da Libertadores na quarta-feira passada pelo Flamengo depois de levar uma goleada por 5 a 0 no Maracanã.

"A gente sabe que vai encontrar um Grêmio muito forte. Já estamos analisando os pontos fortes e fracos para aproveitarmos aquilo que podemos usar lá em Porto Alegre", destacou. Com 33 pontos, o Alvinegro tenta um bom resultado para dar mais um passo importante na corrida contra a zona de rebaixamento.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários