Ex-piloto de Stock Car sofre parada cardíaca e morre aos 62 anos

Sepultamento do corpo está marcado para segunda-feira

Por O Dia

Luto
Luto -
Paraná - O ex-piloto de Stock Car, Afonso Celso Rangel Santos, morreu neste domingo vítima de parada cardíaca. Ele tinha 62 anos e era pró-reitor de Planejamento e Avaliação da Universidade Tuiuti do Paraná. A informação foi divulgada pela instituição nas redes sociais.
Como piloto de Stock Car, Afonso competiu entre as décadas de 1980 e 1990. Ele chegou a se candidatar à prefeitura de Curitiba nas últimas eleições, em 2016, pelo PRP.
O velório do ex-piloto começou neste domingo às 18h30, no Cemitério Parque Iguaçu, em Curitiba. O sepultamento está marcado para segunda-feira, às 10h, no mesmo local.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Luto Reprodução
Afonso Celso Rangel Santos Reprodução Facebook

Comentários