Juliana Veiga, ex-apresentadora da ESPN - Reprodução
Juliana Veiga, ex-apresentadora da ESPNReprodução
Por O Dia
Rio - A ex-apresentadora da ESPN, Juliana Veiga, está processando a emissora na Justiça do Trabalho. De acordo com o "Observatório da Televisão", a jornalista entrou com uma ação pedindo reconhecimento de vínculo empregatício com a empresa e indenização de R$ 928.360,24 pela perda de direitos trabalhistas.
No processo, Juliana alega que seu contrato foi rescindido por iniciativa da ESPN e que o canal não lhe pagou qualquer tipo de multa, mesmo com anos de casa. Em primeira instância, a Justiça deu ganho de causa à apresentadora e determinou o pagamento do valor. No entanto, a ESPN recorreu e o processo agora corre em segunda instância.
Publicidade
Juliana Veiga deixou a ESPN em março de 2019. Ela estava há sete anos na emissora, onde comandava o "SportsCenter".