Ex-companheiro de Ronaldinho, goleiro do Atlético-MG vê 'exagero' na prisão do craque

Ex-jogador está preso há cerca de um mês no Paraguai

Por O Dia

Ronaldinho e o irmão, Assis, estão presos no Paraguai desde o dia 6 por uso de passaportes fraudulentos
Ronaldinho e o irmão, Assis, estão presos no Paraguai desde o dia 6 por uso de passaportes fraudulentos -
Rio - Amigo e ex-companheiro de Ronaldinho no Atlético-MG, o goleiro Victor lamentou a situação em que o craque se encontra. Em entrevista ao "Jogo Aberto", da Band, o camisa 1 falou sobre a prisão do ex-jogador e disse enxergar um "exagero" na condução do caso.
“A gente fica muito triste por tudo que está acontecendo com ele, sabendo o que ele representa não só para o Atlético e sim para o futebol mundial. Por mais que tenha cometido um erro, vejo um certo exagero na forma que as coisas foram conduzidas, mas é complicado falar sobre isso”, declarou o goleiro.
Victor e Ronaldinho fizeram história no Atlético-MG. Os dois foram peças importantes na conquista da Libertadores de 2013, título mais importante da história do clube.

Comentários