Restrições da CBF ao Covid-19 podem acabar com a comemoração 'Hoje tem gol do Gabigol'

Presidente da Comissão Nacional de Médicos da CBF também garantiu: 'Não vai haver lugar mais seguro do que treino de futebol'

Por O Dia

Gabigol comemorando seu gol na final da Supercopa do Brasil com a plaquinha 'Hoje tem gol de Gabigol'
Gabigol comemorando seu gol na final da Supercopa do Brasil com a plaquinha 'Hoje tem gol de Gabigol' -
Rio - Coordenador médico da CBF, Jorge Pagura concedeu entrevista ao vivo no Instagram nesta sexta-feira e não fez previsão para o retorno do futebol brasileiro. O presidente da Comissão Nacional de Médicos da CBF também explicou restrições até em comemorações.
"O barulho do silêncio é a nova tônica que a gente vai ver no futebol. O abraço, a comemoração, "hoje tem gol do Gabigol, dancinha... isso não vai existir", disse Pagura.
Além disso, afirmou que a entidade segue à risca as orientações de cada estado, município e do governo federal, mas garantiu que nada será mais seguro do que um treino de futebol quando houver flexibilização.
"Quando liberarem as atividades não vai haver lugar mais seguro do que treino de futebol, jogo de futebol. As medidas que preparamos sao altamente restritivas do ponto benéfico para a saúde de todos", afirmou Pagura.
Confira outros tópicos da entrevista:

Previsão de retorno?

Não tem. A CBF, na figura do presidente Rogério Caboclo, respeita totalmente as decisões que vêm dos órgãos federal, estadual e municipal. Não vai mexer uma palha para forçar nada. Há um mês e meio que estou trabalhando nesse projeto. Junto com médicos, epidemiologistas. Estamos totalmente prontos para voltar com a maior segurança dentro da sua atividade aqui no país. Quando o futebol fala todo mundo escuta. Nossa responsabildiade na execução do plano é muito grande.

Sem público?

As aglomerações vão ser as últimas a serem liberadas. Provavelmente (público) quando tiver grande percentual da população que ou teve contato e produziu anticorpos IgG ou quando surgir vacina ou tratamento muito eficaz.

Multa por cuspe no gramado?

No plano tem isso (não cuspir), mas não tem multa. Vão ter opções, vai ter totens para se ele precisar assoar o nariz. No toten, tem álcool gel para esterilizar a mão. Apesar de que essa gotícula permanece pouco no ar em ar livre.

Troca de ministros (com a notícia da demissão de Teich)

Não vai existir super ministro. É uma luta notável, mas inglória. É como consertar o pneu com o carro andando. Isso nao é coisa boa, essa troca. Estamos longe de viver sinergismo de ações. É culpa geral, nem um lado nem outro.
 

Comentários