Conmebol vai cobrar Rede Globo por rescisão em transmissão da Libertadores

Disputa deve acontecer em tribunal suíço

Por O Dia

Libertadores
Libertadores -
Rio - A Conmebol decidiu cobrar uma indenização do Grupo Globo pela rescisão do contrato dos direitos de transmissão da Libertadores. Segundo informações do portal "UOL", a entidade sul-americana discorda dos motivos alegados pela emissora para o desmancho do contrato. A "briga" deve acontecer em tribunal suíço de arbitragem.
A Globo tinha contrato com a Libertadores, para transmissão na TV Aberta e Fechada, até 2022, no valor de US$ 60 milhões por ano. No entanto, em agosto, após tentativa falha de reduzir o valor do contrato, a emissora enviou uma carta rompendo o contrato, utilizando a pandemia de Covid-19 como motivo para a ruptura.
Desta forma, a entidade sul-americana fechou um contrato com o SBT, cujo dava os mesmos direitos que tinham a emissora carioca. O valor pago por Silvio Santos é menor que o pago pela Globo, porém são menos direitos e abre espaço para a propaganda de patrocinadores da Libertadores.

Comentários