Titular nos últimos cinco jogos do Timão, Davó presenteou sua mãe com um carro - Rodrigo Coca/Corinthians
Titular nos últimos cinco jogos do Timão, Davó presenteou sua mãe com um carroRodrigo Coca/Corinthians
Por O Dia
São Paulo - Matheus Davó não desperdiçou a chance recebida pelo técnico Vágner Mancini. Na ausência de Jô, em fim de quarentena após testar positivo para covid-19, e Boseli, machucado, o atacante emplacou cinco jogos como titular no Corinthians. Revelado pelo Guarani, a joia, de 21 anos, celebrou o bom momento presenteando à mãe, Liliane Alvarenga, com um carro novo.
"Minha mãe é minha guerreira, minha inspiração, ela que segurava as pontas, trabalhava até tarde, suava para colocar comida em casa, para pagar o aluguel. Ela tinha um carro que já tinha seis anos, era antigo, e consegui agora dar um carro para ela. Quando liguei para dizer que ia dar, ela não parou de chorar, se emocionou muito. Foi muito bom esse momento", disse Davó, em entrevista à 'Corinthians TV'.
Publicidade
Destaque da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2019, Matheus Davó foi alvo de disputa entre os rivais paulistas após a competição. O talento com a bola nos pés despertou tanta curiosidade quanto a origem do apelido.
Publicidade
"Meus pais trabalhavam e ficava com a minha avó durante a semana. Ela que me levava para os treinos e para a escola. Como tinham muitos Matheus, foi o que diferenciou, Matheus Davó. Quando cheguei na primeira escolinha, não sabia o meu sobrenome, os caras perguntaram qual era e eu falei 'Davó'. Aí pegou, ficou Davó para toda a vida", disse Matheus.