Renan, de 60 anos, está com sintomas leves da covid-19 e iniciou a quarentena em casa na quinta-feira
Renan, de 60 anos, está com sintomas leves da covid-19 e iniciou a quarentena em casa na quinta-feira Wander Roberto/Inovafoto/CBV
Por O Dia
Rio - A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) confirmou nesta terça-feira o diagnóstico positivo para o novo coronavírus do comandante da seleção masculina, Renan dal Zotto. O treinador, de 60 anos, está com sintomas leves e iniciou o período de isolamento em casa na quinta-feira passada. O resultado do teste foi confirmado nesta terça-feira.
Integrante da 'Geração de Prata', nos Jogos Olímpicos de Los Angeles, em 1984, Renan já recebeu a primeira dose da vacina, o que, de acordo com especialistas, não garante total imunização, mas impede que as pessoas desenvolvam sintomas graves da doença que já fez mais de 350 mil vítimas fatais no Brasil.
Publicidade
Renan não é o único caso de covid-19 na CBV. O vice-presidente da entidade Radamés Lattari, de 63 anos, testou positivo e está internado desde sexta-feira. Técnico da seleção brasileira masculina entre 1997 e 2000, foi encaminhado à UTI na segunda-feira, mas não está intubado, de acordo com as informações da CBV.

Foi u suficiente para a entidade ligar o sinal de alerta em aumentar a rigidez do protocolo de higiene, distanciamento e testagem de todos os 'hóspedes' que estão na bolha no CT da CBV, em Saquarema, para as finais da Superliga Masculina, entre Taubaté e Minas. Jogadores, comissões técnicas, dirigentes e equipes de apoio tiveram que se submeter a novo procedimento. Todos os testes foram negativos.