Conheça a brasileira que tentará tirar o título de campeã de Ronda Rousey

Bethe Correia, paraibana de 32 anos, afirmou ser capaz de derrotar a campeã do peso-galo feminino, Ronda Rousey

Por victor.abreu

Rio - A brasileira Bethe Correia, invicta no MMA com nove vitórias, disputará pela primeira vez o cinturão do peso-galo feminino neste sábado, no UFC 190, no Rio de Janeiro. A luta não será fácil. Ela terá pela frente nada mais, nada menos, do que a campeã norte-americana Ronda Rousey, que contabiliza onze vitórias em onze lutas.

Considerada zebra na disputa, Bethe acumula algumas polêmicas ao longo da carreira, inclusive envolvendo a adversária deste sábado. Em maio, ela chegou a 'provocar' Ronda com uma declaração sobre suicídio. “Eu dou a revanche para ela não chorar tanto. Ela não aguenta a pressão. Dou a oportunidade de ela tentar recuperar o cinturão. Por favor, não se mate, não se suicide, pois lhe darei a revanche”, disparou a brasileira. Rousey se sentiu ofendida, já que seu pai se suicidou.

Bethe Correia encara Ronda RouseyLevy Ribeiro

Na chegada ao Brasil nesta quarta-feira, Bethe comentou sobre o caso. "Quando você tem um trauma grande, não fala sobre isso. Eu percebi que a Ronda adora exibir a vida dela. Se ela achou que eu falei e ela interpretou de má fé como uma coisa da família dela, que era inédito para mim. Se ela achou que eu fiz isso para promover, quem promoveu mais a história foi ela. Não falei nada do pai dela em nenhuma reportagem. Quem fala disso, chorando na câmera, é ela. Ou ela tem psicológico abalado ou é grande atriz", afirmou.

Já sobre o duelo dentro do octógono, Pitbull declarou que entrará para finalizar a adversária desde o início e que Ronda utiliza um argumento de derrotada em seus discursos, além disso, ressaltou que não deixará a norte-americana vencer facilmente.

"Vou entrar rasgando, para ganhar no primeiro round. Essa história que ela fala, de que quer prolongar a luta, é um argumento derrotista. Ela sabe que não conseguirá me vencer rapidamente. Quem não quer vencer rápido, bater recordes? Ronda adora uma estrela, adora glamour! Você não acha que ela ia adorar bater recordes? Ela sabe que comigo é diferente, que a raça do Brasil é diferente. O brasileiro não entrega fácil. Ela sabe que sou uma lutadora inteligente, então ela joga isso para se justificar, caso não ganhe rápido. Eu vou para rasgá-la no primeiro round", acrescentou.

A paraibana disse ainda o que falará para a norte-americana após a luta. "Não vou falar nada. Quem vai falar serão meus punhos. Não terei nada para falar a ela depois disso. A lição será dada ali mesmo. Não quero nenhum mal para ela, não", concluiu.

Bethe confia em seu histórico para superar Ronda. Formada como boxeadora, ela está no UFC desde 2013. Um ano antes fez sua estreia no MMA. Foram seis lutas e seis vitórias em campeonatos organizados no Brasil (veja a lista abaixo). Sua primeira luta no UFC foi em dezembro de 2013. Foram três idas ao octógono e as três vitórias a credenciaram enfrentar Ronda. Sábado, depois de muito bate-boca, chegará a hora da verdade entre as duas.

Confira o histórico de Bethe Correia no MMA

Vitória 9 - contra Shayna Baszler por nocaute técnico (socos) no UFC 177 (30/8/2014)

Vitória 8 - contra Jessamyn Duke por decisão unânime no UFC 172 (26/04/2014)

Vitória 7 - contra Julie Kedzie por decisão dividida no UFC Fight Night: Hunt vs. Pezão (07/12/2013) – foi a estreia de Bethe no UFC

Vitória 6 - contra Erica Paes por decisão unânime no Jungle Fight 54 em 29/06/2013

Vitória 5 - contra Ju Pitbull por decisão unânime no WCC em 01/06/2013

Vitória 4 – contra Karol Mutante por nocaute técnico (socos) no Bokum Fight em 12/04/2013

Vitória 3 – contra Elaine Pantera por decisão unânime no Heat FC 4 em 18/10/2013

Vitória 2 – contra Daniely Nervosinha por decisão unânime no Fort MMA 2 em 27/07/2012

Vitória 1 – contra Dany Fenix por decisão unânime no First Fight Revelations em 31/05/2012

Mesmo no Brasil%2C Ronda espera contar com a torcida a seu favor contra Bethe CorreiraBruno de Lima / Agência O Dia

Card completo do UFC 190
Rio de Janeiro, HSBC Arena, sábado, dia 1 de agosto

Card principal - a partir de 23h (horário de Brasília)
Peso-galo: Ronda Rousey x Bethe Correia;
Peso-meio-pesado: Mauricio Shogun x Rogério Minotouro;
Final do TUF Brasil 4 peso-leve: Fernando Açougueiro x Glaico França;
Final do TUF Brasil 4 peso-galo: Dileno Lopes x Reginaldo Vieira;
Peso-pesado: Stefan Struve x Rodrigo Minotauro;
Peso-pesado: Antônio Pezão x Soa Palelei;
Peso-palha: Cláudia Gadelha x Jessica Aguilar;

Card preliminar - a partir de 20h (horário de Brasília)
Peso-meio-médio: Demian Maia x Neil Magny;
Peso-meio-pesado: Rafael Feijão x Patrick Cummins;
Peso-meio-médio: Warlley Alves x Nordine Taleb;
Peso-galo: Iuri Marajó x Leandro Issa;
Peso-médio: Vitor Miranda x Clint Hester;
Peso-galo: Hugo Wolverine x Guido Cannetti.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia