Os vilões são os outros

Por O Dia

Árbitro consulta o lance na tela após ser alertado pelo VAR
Árbitro consulta o lance na tela após ser alertado pelo VAR -
Dirigentes, jogadores e torcedores estão indignados e disparando contra um inocente, o VAR. A tecnologia é bem-vinda, o problema é o ser humano despreparado, desatento e escravo de um almanaque de recomendações idiotas elaborado provavelmente num horário de banho de sol de algum manicômio europeu. Na Fifa se debate o assunto com ala importante reconhecendo a barbeiragem, lembrando o ex-presidente João Havelange que, enquanto esteve no poder, brecou as tentativas de ataque às simples e objetivas regras do futebol. Na CBF, o assunto é diariamente discutido e só não sei o que está faltando para a entidade que representa o País participante de todas as edições de Copas do Mundo, cinco vezes campeão, exigir reformulação imediata dessas tais recomendações que nada acrescentam e abrem as portas para manipulação de resultados, um fantasma que vem atormentando as autoridades sérias que defendem o esporte limpo.

MENU DE DOMINGO

Vasco e Fluminense movimentarão os torcedores cariocas neste domingo. Comandado por Ramon, o valente Vasco receberá o Athletico-PR, que ainda não respondeu ao que sua torcida esperava. No Morumbi, o Fluminense, lamentando pontos perdidos no Maracanã, com o empate com o Atlético-GO por 1 a 1, quarta-feira, encara o São Paulo, do velho amigo Fernando Diniz, que junta os pedaços depois de atropelado pelo Galo. Um com medo do outro e os dois com medo do VAR, 'O Estripador'.

PEDALADAS

Messi admite permanecer no Barcelona até junho, quando ficará livre de vez. Jogaria uma temporada bicudo, o que é ruim para todos.
Incrível o número de jogadores infectados pela covid-19, mesmo com todo o aparato e clubes seguindo o protocolo.
O Palmeiras, único invicto, entra nesta rodada em oitavo lugar, muros pichados, galera furiosa. Imagine se perder.

BOLA DENTRO

Depois de quase dois anos afastado, Jair Ventura reaparece em grande estilo no comando do Sport e derrotando o Grêmio dentro da Arena. Belo cartão de apresentação.

BOLA FORA

Esse Brasileirão será um calvário para os treinadores. Sem tempo para trabalhar, jogos em cima de jogos e cobrança da galera, a cada rodada um vai para a panela.

Comentários