Após tropeço contra a Lusa, torcedores alvinegros protestam no Maracanã

Seedorf, Oswaldo de Oliveira e Maurício Assumpção foram os mais criticados

Por pedro.logato

Rio - O tropeço contra a Portuguesa, que culminou com a saída do Botafogo do G-4 gerou revolta na torcida alvinegra. Após o fim da partida, cerca de 100 alvinegros do lado de fora do Maracanã hostilizaram o equipe, gritos de "pipoqueiro" foram ouvidos.

Oswaldo foi criticado pela torcidaMárcio Mercante / Agência O Dia

Alguns jogadores foram criticados, em especial: Seedorf e Marcelo Mattos. O treinador Oswaldo de Oliveira e o presidente Maurício Assumpção também foram alvos de xingamentos. A torcida ainda sugeriu o nome de Cuca para ser o novo comandante alvinegro. No vestiário, Oswaldo comentou a ira da torcida.

"Isso é normal e natural. Ninguém fica satisfeito saindo do G4. Podem gritar o que quiser, fiquem à vontade. O Elias pediu para sair. Engraçado que só eu vejo isso. Aliás, eu sou pago para isso, está certo", disse.

Na segunda-feira, os torcedores alvinegros já haviam protestado contra a equipe, no Galeão, após os atletas desembarcarem do Rio Grande do Sul, onde o Alvinegro havia sido derrotado pelo Internacional.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia