Mais Lidas

Apresentado, Eduardo Hungaro garante estar preparado para desafio no Botafogo

Treinador está no Alvinegro há cinco anos

Por pedro.logato

Rio - Eduardo Hungaro concedeu nesta terça-feira a sua primeira entrevista coletiva como treinador do Botafogo. O presidente, Maurício Assumpção, explicou o motivo da escolha pelo ex-treinador da equipe de juniores do Glorioso.

"O Botafogo anuncia oficialmente o Eduardo Hungaro como técnico. É uma satisfação, ele começou conosco no mirim, divisões de base. É um treinador vitorioso e que conhece a casa, a torcida. É uma escolha de todo o departamento de futebol. Foi escolhido pela capacidade, pelo entendimento que tem de futebol e pelo que acreitamos que possa nos dar dentro de campo.", afirmou o Mandatário.

Hungaro é o novo treinador do BotafogoAndré Mourão / Agência O Dia

Hungaro agradeceu a oportunidade na equipe profissional, após cinco anos de Botafogo. O novo treinador afirmou que ainda não teve contato com o elenco alvinegro, mas já falou no principal foco da equipe em 2014 que é a conquista da Libertadores.

"Contato com os jogadores ainda não tive. Sobre a Libertadores, sabemos que é um torneio bastante difícil, mas que estamos preparados para enfrentar. Vamos enfrentar dificuldades neste primeiro jogo, que é classificatório. Além do adversário, há a altitude. Vamos montar o planejamento e fazer uma grande Libertadores", disse.

O comandante aproveitou para falar sobre o ex-treinador Oswaldo de Oliveira, com quem conviveu, pois também ocupou o cargo de assistente da equipe profissional.

"O Oswaldo é um irmão que fiz no futebol, é difícil falar dele. Neste período de definição, procurei não ler nada, não ver nada. Soube que alguns jogadores se manisfestaram, mas o que mais me tocou foi o apoio do Oswaldo. Vou usar os ensinamentos dele também. Desejo muita felicidade no Santos. É um grande mestre, vou estar sempre ligado a ele", contou.

Sobre o planejamento para 2014, o treinador admitiu que o Alvinegro vai ter duas equipes, uma para disputar o Estadual e a outra para disputar a Libertadores.

"Vamos ter duas equipes. A da Libertadores vai ser preparada para o jogo do dia 29, e a outra para o Estadual. Está decidido. Carioca é importante, vamos terntar o bi, mas por enquanto é pensar apenas agora no Deportivo (Quito). Vamos buscar a classificação a todo custo", finalizou.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia