Botafogo encara o Paraná e tem chance de abrir vantagem na liderança

Fogão encara série de três jogos contra times que não brigam pelo G-4 e teve bom desempenho contra eles no 1º turno

Por fabio.klotz

Rio - Chegou o momento ideal para o Botafogo engatar a quinta marcha e disparar na liderança da Série B do Brasileiro. Nesta terça-feira, às 19h, contra o Paraná, no Nilton Santos, o time inicia uma sequência de três jogos contra times que não brigam pelo G-4 e, se repetir o desempenho do primeiro turno, conquistará os nove pontos em disputa.

Sassá fez o gol do triunfo sobre o Vitória%2C na última rodada da Série BErnesto Carriço / Agência O Dia

“Essa sequência que vamos ter é muito importante para continuarmos abrindo vantagem sobre os outros adversários. Temos que manter os pés no chão para evitar a empolgação e conseguirmos uma boa vitória”, afirmou Sassá, que, apesar do gol heroico contra o Vitória, seguirá no banco de reservas.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Depois do Paraná, o Botafogo encara Mogi Mirim (fora) e Oeste (casa). O ambiente é de confiança total depois do triunfo fora de casa na última rodada e, para melhorar a situação, Ricardo Gomes poderá, praticamente, repetir a equipe. Somente Fernandes, suspenso, não estará à disposição e Elvis ficará com a vaga.

No último treino de preparação para o confronto com os paranaenses, Luis Ricardo, Roger Carvalho, Serginho e Navarro foram poupados e realizaram um trabalho na academia. No entanto, não existe motivo para preocupação. O uruguaio atravessa um bom momento e sua média de gols já é maior se comparada a do início do compatriota Loco Abreu no clube. Em sete partidas disputadas, Navarro balançou a rede seis vezes, enquanto o ex-camisa 13, a esta altura, havia marcado cinco.

A presença do camisa 9 em campo no Nilton Santos deixa os alvinegros convictos de que o placar sairá do zero. Apenas um dos seis gols do atacante não foi marcado no estádio.

Recuperado, Daniel Carvalho fica no banco

A lesão na coxa esquerda já não existe, mas Daniel Carvalho, que vinha sendo titular absoluto com Ricardo Gomes, iniciará a partida no banco de reservas. O meia receberá um cuidado especial para que não volte a desfalcar o time.

A sequência de partidas acabou ocasionando a contusão muscular que tirou Daniel Carvalho dos últimos dois jogos, mas a recuperação aconteceu em tempo recorde e ele está à disposição.

Já Neilton e Carleto, que se lesionaram na mesma ocasião, irão precisar de mais tempo para retornar aos gramados. Ambos dificilmente voltam sexta-feira, contra o Mogi Mirim.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia