Defesa do Botafogo é a principal dor de cabeça de Valentim

Sem poder contar com Joel Carli e Yago, que se machucaram contra o Ceará, técnico vai apelar à base para montar o banco

Por

Alberto Valentim deve escalar Marcelo Benevenuto ao lado de Igor Rabello na zaga alvinegra contra o Bahia
Alberto Valentim deve escalar Marcelo Benevenuto ao lado de Igor Rabello na zaga alvinegra contra o Bahia -

Rio - O empate com o lanterna Ceará, apesar de ter sido frustrante, teve um ponto positivo: pela primeira vez em dez rodadas,o time saiu de campo sem tomar gol. Mas é justamente a defesa o setor que mais preocupa o técnico Alberto Valentim para o jogo de domingo, contra o Bahia, em Salvador. O zagueiro titular Joel Carli e Yago, seu reserva imediato, estão praticamente vetados, e, assim, Marcelo Benevenuto será o provável companheiro de Igor Rabello. E Valentim provavelmente pode ter que relacionar dois zagueiros das divisões de base: os garotos Kanu e Helerson.

Carli precisou ser substituído aos 23 minutos do segundo tempo contra o Ceará após sofrer uma pancada nas costelas. Yago, que entrou no lugar do argentino, sofreu um choque de cabeça e saiu do estádio de ambulância. "Carli teve uma contusão no lado esquerdo da parte posterior abdominal. Sem lesão mais grave. Está melhor, ainda bem dolorido, mas só teremos uma posição melhor nas próximas 24 horas ou até em 48 horas, a depender do controle da dor dele", disse o médico Salvio Magalhães. Já Yago preocupa mais. Depois de passar a noite de quarta-feira em observação, ele será poupado de algumas atividades no treino de hoje e não seguirá com a delegação para Salvador.

MARCOS VINICIUS FORA

Outra dor de cabeça para o técnico Alberto Valentim é o apoiador Marcos Vinicius, que machucou o joelho direito contra o Vasco, e só voltará a jogar após a Copa. "Ele sofreu uma lesão do ligamento medial colateral do joelho direito. A gente tem uma expectativa de duas a três semanas de retorno", garantiu o médico Salvio Magalhães.

 

Comentários