Ze Ricardo - Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Ze RicardoVitor Silva/SSPress/Botafogo
Por

Rio - O Botafogo tem mais um capítulo hoje na sua guerra para se manter o mais longe possível da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Às 16h, o Alvinegro receber o São Paulo, um dos principais candidatos ao título, no Estádio Nilton Santos. A motivação é a possibilidade de o time emendar uma sequência de três vitórias pela primeira vez na competição, pois vem de triunfos sobre América-MG (1 a 0), em casa, e Vitória (4 a 3), em Salvador.

O Glorioso conseguiu uma trinca pela última vez na competição na edição do ano passado, quando, sob o comando de Jair Ventura hoje no técnico do Corinthians , superou o Bahia por 2 a 1, em Salvador, o Flamengo e o Santos os dois por 2 a 0, no Niltão , pelas 22ª, 23ª e 24ª rodadas, respectivamente. Na ocasião, o time ainda fez a quadra ao vencer o Coritiba por 3 a 2, no Estádio Couto Pereira.

"Temos que fazer um jogo no nosso melhor nível. Temos um respeito muito grande. O São Paulo tem um time muito forte, com jogadores de nível de seleção brasileira, um treinador experiente. Vai ser um jogo tenso, mas a gente acredita muito no nosso campo, no nosso torcedor", disse o técnico alvinegro Zé Ricardo.

O comandante destacou que o time precisa muito da vitória hoje à tarde, mesmo tendo feito seis pontos nos últimos jogos e ter se distanciado um pouco da zona de rebaixamento.

"Duas rodadas podem mudar tudo. Viemos em crescimento e queremos a ratificação desse crescimento. Para a gente, vai ser importantíssimo enfrentar uma equipe tão forte, para ver em que estágio estamos e para fazer a reta final do ano como desejamos", disse.

A expectativa fica pelo retorno do goleiro Gatito Fernández, fora de ação desde a segunda rodada do Brasileiro por causa de uma lesão no punho direito (1 a 1 com o Sport, em Recife). Se não puder jogar, Saulo será titular.

Você pode gostar
Comentários