Nem a chuva 'apaga' o Fogão

Na estreia na Sul-Americana, Alvinegro vence o Defensa Y Justicia por 1 a 0, no Niltão

Por O Dia

Escalado como titular, o garoto Jonathan fez novamente um bom jogo no Nilton Santos: seguro na marcação e com boas subidas ao ataque
Escalado como titular, o garoto Jonathan fez novamente um bom jogo no Nilton Santos: seguro na marcação e com boas subidas ao ataque -

Debaixo de um baita temporal, principalmente no primeiro tempo, o Botafogo sofreu, mas venceu o Defensa y Justicia, da Argentina, por 1 a 0, na estreia na Copa Sul-Americana. O atacante Erik, aos 49 da etapa final, decretou o triunfo alvinegro com um chutaço de fora da área.

O compromisso da volta será no próximo dia 20, em Buenos Aires. O Gloriso se garante na etapa seguinte com qualquer vitória ou empate.

Os 'hermanos', vice-líderes do Campeonato Argentino, estavam invictos há 11 partidas. Apesar do bom toque de bola, eles não ameaçaram a meta do paraguaio Gatito Fernández no primeiro tempo. Levando em consideração o estado do gramado por causa da chuva, até que o Botafogo foi melhor. O lateral-direito Marcinho, em um chute venenoso de fora da área, e o atacante Kieza, que dominou uma bola com a mão (e ainda tirou o volante Alex Santana da jogada), criaram as boas chances do Alvinegro.

A estratégia do Defensa y Justicia era bem definida: tentar ser tranquilo na defesa e sair em velocidade por uma bola, o que não aconteceu.

Na etapa complementar, já com muito menos água, os argentinos colocaram a bola no chão e envolveram completamente o Botafogo, que tinha como única alternativa os chutões da defesa para o ataque. Kieza, isolado, quase não apareceu na partida. Tanto que o técnico Zé Ricardo o trocou por Leandro Carvalho.

ERIK SALVA A NOITE

Além do atacante, o comandante colocou o volante Bochecha na vaga do apagado Luiz Fernando, o que deixou a galera irada e gerou os indesejáveis gritos de 'burro!".

As trocas não surtiram efeito. Quando tudo indicava aquele 0 a 0 frustrante, aos 49, após ligação direta de Gatito para o ataque, Gustavo Ferrareis ganhou no alto, Erik ficou com a sobra, driblou um adversário e soltou a bomba: 1 a 0. Para o jogo na Argentina, fica a expectativa dos retornos do volante João Paulo e do meia Leo Valencia, ambos lesionados, além da estreia do também apoiador Cícero, anunciado ontem.

 

Comentários