Com final feliz: Diego Souza chega ao Botafogo

Após acordo com o São Paulo, meia-atacante deve passar hoje por exames médicos e assinar contrato até o fim da temporada

Por O Dia

Diego Souza, do São Paulo
Diego Souza, do São Paulo -

Rio - As diretorias do Botafogo e do São Paulo finalmente chegaram a um acordo e Diego Souza será jogador do time alvinegro. O meia-atacante, que treinou normalmente ontem, no CT da Barra Funda, deve passar por exames médicos hoje no Rio e assinar contrato. Diego Souza virá por empréstimo até o fim do ano, com o clube do Morumbi tendo a prioridade para a contratação do atacante Luiz Fernando, que tem vínculo com o time carioca até 2021 — se até lá houver proposta pelo jogador, o São Paulo poderá cobri-la para ficar com ele. Havia o desejo de incluir Luiz Fernando numa troca imediata, mas a diretoria alvinegra não aceitou.

Os termos da negociação envolvendo Diego Souza ficaram assim definidos: o Botafogo vai arcar integralmente com os salários do jogador a partir de abril e se vê obrigado a liberá-lo se chegar uma oferta de qualquer clube do Brasil ou do exterior a partir de 1,5 milhão de dólares (R$ 5,7 milhões).

O São Paulo mantém a preferência para renovar o contrato com Diego Souza por mais um ano. No entanto, se não houver interesse em mantê-lo no elenco, ele já tem um pré-acordo com o Glorioso para permanecer mais duas temporadas no clube.

Sem espaço no São Paulo, Diego Souza, que fará 34 anos em junho, chegou a ser sondado pelo Sport, clube em que é ídolo, mas a negociação não avançou. Para escalá-lo em jogos contra o Tricolor Paulista, o Botafogo terá que pagar multa de R$ 400 mil.

IRMÃO FESTEJA RETORNO AO RIO

No Instagram, o irmão de Diego Souza festejou o iminente retorno ao futebol carioca — o jogador já defendeu Fluminense, Flamengo e Vasco: "O Rio é nosso, p....! Volta pra casa, vem ser feliz!!! O p... voltou para a Cidade Maravilhosa", escreveu Diogo Souza.

A dívida que o Botafogo tem com o São Paulo, ainda referente à contratação do atacante Henrique Almeida, em 2013, acabou não sendo incluída na negociação envolvendo Diego Souza.

 

Comentários