Vai inventar o que aí, Zé Ricardo?

Opções pra encarar Juventude pela Copa do Brasil

Por O Dia

O técnico Zé Ricardo intensifica a preparação do Botafogo para o decisivo jogo de quinta-feira, às 19h15, contra o Juventude, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela volta da 3ª fase da Copa do Brasil. Ainda à procura da melhor formação para o time, ele fez testes no treinamento. Sem contar com o volante João Paulo, expulso na partida de ida, quinta-feira passada, no Nilton Santos (empate em 1 a 1), o treinador usou Jean entre os titulares, formando o meio-campo ao lado de Alex Santana e Cícero.

Outra opção seria a entrada do volante Gustavo Bochecha. Na lateral-esquerda, Zé Ricardo escalou o garoto Jonathan, titular há várias partidas, mas também treinou meio tempo com o criticado Gilson. No ataque, Luiz Fernando entrou na vaga de Rodrigo Pimpão. Mais uma vez, Leo Valencia, ainda se recuperando de um problema na panturrilha, ficou fora do treinamento e dificilmente terá condições de reforçar a equipe.

Uma vitória sobre o Juventude não apenas garante a classificação, mas seria uma garantia de permanência do técnico à frente do time. A vaga vale um prêmio de R$ 1,9 milhão, verba fundamental para que a diretoria consiga honrar parte dos dois meses de salários atrasados para os jogadores.

Em entrevista, o volante Cícero comentou: "A gente debate muito uma situação e parece que não estamos jogando por causa dos atrasos. Todo mundo gosta de receber em dia. Isso é com a direção. Estamos aqui para defender a camisa. Independentemente do que aconteça, temos que entrar e sempre tentar dar o melhor", disse.

Comentários