Botafogo pode ser punido por 'greve de silêncio' dos jogadores; entenda!

Jogadores se negaram a dar entrevistas apos partida da Sul-Americana

Por O Dia

Técnico Eduardo Barroca conversa com os jogadores em treino no Nilton Santos
Técnico Eduardo Barroca conversa com os jogadores em treino no Nilton Santos -
Rio - O Botafogo pode ser punido por conta da greve que vem sendo feita por seus jogadores, que não têm concedido entrevistas nos últimos dias por conta dos atrasos salariais. Após a derrota para o Atlético-MG, na última semana, pela Copa Sul-Americana, os atletas não falaram com a imprensa, o que é obrigatório no protocolo da Conmebol. As informações são do site "UOL". 
Segundo o portal, o caso está sob a análise da Unidade Disciplinar e pode gerar apenas uma advertência ou uma multa de até 400 mil dólares (R$ 1,5 milhão).
O clube alvinegro também precisará se explicar por ter feito uma homenagem póstuma ao pai de um dirigente. A Conmebol não permite que seja feito um minuto de silêncio antes das partidas e alega não ter sido informada.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários