Barroca elogia primeiro tempo do Botafogo e lamenta vacilo da equipe no fim

Glorioso sofreu derrota em casa contra o São Paulo

Por Lance

Barroca
Barroca -
Rio - Após a derrota para o São Paulo, Barroca não escondeu a frustração com o resultado. O treinador exaltou o primeiro tempo de sua equipe e admitiu a superioridade do Tricolor na segunda etapa.
"Preciso falar que o Botafogo fez um primeiro tempo excelente, conseguimos pressionar o São Paulo, criar chances. Controlamos o jogo na região do meio-campo, transformamos o controle em agressividade. Postura muito boa. No segundo tempo o São Paulo subiu mais a marcação, extremamente agressivos. O Botafogo ficou com um controle por trás, mas com muita dificuldade de transformar isso, fazer com que a bola chegasse com uma maior tranquilidade. O São Paulo trouxe um jogo de imposição muito forte, que não é nossa característica. O jogo ficou mais aberto. E no final do jogo eles fizeram o segundo. A gente lamenta muito pela forma, tomar um gol no final é sempre muito difícil", disse o treinador.

O treinador também fez questão de exaltar seus jogadores e assumiu qualquer responsabilidade na derrota deste sábado.

"Enquanto minha equipe estiver se dedicando dessa forma, a responsabilidade dos resultados vai ficar comigo. Venho aqui de frente, falo isso mesmo, porque eles estão indo no limite. Não tem responsabilidade individual. Responsabilidade do resultado negativo é minha, eles vão sempre ser blindados pelo seu treinador enquanto tiverem esse tipo de comportamento", afirmou Barroca.

O Botafogo volta aos gramados na próxima quarta-feira, contra o Bahia, na Fonte Nova. Com a derrota, Alvinegro permanece em décimo lugar no Brasileirão com 27 pontos.

Comentários