Sem espaço com Autuori, revelação do Botafogo tem sondagens para deixar o clube

Atleta teve sondagens de outras equipes do Brasileirão

Por Lance

Rio de Janeiro - 09/10/2019 - Gustavo Bochecha do Botafogo  durante partida contra a equipe do Goais no Nilton Santos valido pelo Campeonato Brasileiro 2019. Foto: Luciano Belford/agencia O Dia
Rio de Janeiro - 09/10/2019 - Gustavo Bochecha do Botafogo durante partida contra a equipe do Goais no Nilton Santos valido pelo Campeonato Brasileiro 2019. Foto: Luciano Belford/agencia O Dia -
Com o elenco cheio, o Botafogo vai buscando alternativas para encontrar caminhos aos atletas que não vinham sendo utilizados até a paralisação. Um deles é Gustavo Bochecha, alvo de sondagens por parte de clubes da primeira divisão do Campeonato Brasileiro antes da pandemia do coronavírus.

O meio-campista de 23 anos é alvo de clubes da elite do futebol brasileiro, mas, assim como a grande parte das negociações no momento, as conversas foram paradas por conta do coronavírus. Vale ressaltar que o Comitê Executivo de Futebol enxergava um possível empréstimo de Gustavo Bochecha com bons olhos, já que o jogador não estava, inicialmente, nos planos de Autuori.

O próprio estafe de Bochecha também considerava que um empréstimo seria a melhor opção para o meio-campista reencontrar o bom futebol. Titular em boa parte de 2019, o jogador, criado nas categorias de base do Botafogo, não repetiu a dose na atual temporada e perdeu espaço ainda com Alberto Valentim, antigo treinador do Alvinegro.

A diretoria do Botafogo, apesar de não classificar nenhum jogador como inegociável, não pretende vender Gustavo Bochecha de forma definitiva. A ideia inicial seria - em um cenário sem a pandemia - emprestar o jogador para que ele retornasse ao Alvinegro no ano que vem.

Durante a apresentação como treinador, Paulo Autuori destacou que prefere trabalhar com elencos mais curtos e, ao houver alguma necessidade por lesão ou suspensão, procurar ajuda nas categorias de base. Como o Botafogo possui muitos nomes para o meio-campo, o empréstimo de Gustavo Bochecha não é visto de forma negativa pelo comandante.

Comentários