Dirigente do Botafogo, Carlos Augusto Montenegro - Vitor Silva/Botafogo
Dirigente do Botafogo, Carlos Augusto MontenegroVitor Silva/Botafogo
Por O Dia
Rio - Ao lado de Flamengo e Vasco, o Madureira é um dos clubes que apoiam o retorno do futebol neste momento. Em entrevista ao "Esporte Interativo", o presidente do clube, Elias Duba, defendeu seu ponto de vista e criticou as posições de Botafogo e Fluminense.
"Entendo a situação do Botafogo não querer voltar. Eles não têm nada a receber e estão eliminados do campeonato, era mais fácil usar o argumento verdadeiro de que não têm mais nada a fazer e não querem precipitar a volta. O Fluminense, na minha opinião, é picuinha. O Mário Bittencourt participou de todas as primeiras reuniões e sempre esteve de acordo em voltar, quando as autoridades permitissem. Ninguém recebeu convite especial para essa reunião com o prefeito, todo mundo foi convidado via whastapp pelo presidente da FERJ", disse o mandatário do Tricolor Suburbano.
Publicidade
Os clubes cariocas foram liberados pelo prefeito Marcelo Crivella apenas para atividades médicas e fisioterapia. O retorno do Campeonato Carioca deve ocorrer em meados de junho, caso a curva de casos da Covid-19 diminua.