Por pedro.logato

São Paulo - O treinador Oswaldo de Oliveira não é mais o comandante do Palmeiras. O técnico deixou o clube paulista, após a derrota para o Figueirense, na última rodada, não resistindo ao começo instável do Verdão no Paulistão.

Oswaldo de Oliveira deixou o Palmeiras após começo ruim no BrasileiroDivulgação

Oswaldo de Oliveira, que estreou em janeiro, comandou o Palmeiras em 31 jogos: 17 vitórias, sete empates e sete derrotas. Deixa a equipe após seis rodadas e apenas uma vitória no Brasileirão-2015.

No começo da temporada, o treinador foi escolhido para comandar o Alviverde, que fez muitos investimentos no elenco. Porém, com apenas o vice-campeonato do Paulistão e a campanha fraca no Brasileiro, Oswaldo acabou deixando o cargo no Verdão.

Confira a nota oficial do Palmeiras:

"O técnico Oswaldo de Oliveira não é mais treinador do Palmeiras. Em reunião realizada na tarde desta terça-feira (09), na Academia de Futebol, o clube decidiu interromper o vínculo com o comandante. Ele estava à frente da equipe palestrina desde o início da temporada e, em 31 partidas, somou 17 vitórias, sete empates e sete derrotas.

Interinamente, o auxiliar-técnico Alberto Valentim, membro da comissão fixa do clube, irá assumir o comando da equipe. A Sociedade Esportiva Palmeiras agradece os serviços prestados pelo treinador Oswaldo de Oliveira e deseja boa sorte na sequência de sua carreira.

O presidente Paulo Nobre concederá entrevista coletiva ainda nesta terça-feira (09), às 16h30, na Academia de Futebol."

Você pode gostar