Julgamento é adiado e atletas de Vasco e Fla estão liberados para quarta-feira

Jogadores se envolveram em briga após o fim do clássico

Por pedro.logato

Rio - Os jogadores expulsos no clássico entre Flamengo e Vasco, realizado no mês passado, estão liberados para a última rodada da fase classificatória do Carioca. O julgamento, que aconteceria nesta terça-feira, foi adiado pelo TJD-RJ (Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro). A procuradoria do tribunal resolveu tomar a decisão devido a ausência dos fatos completos da súmula da partida. Não há data para um novo julgamento.

Duelo entre Flamengo e Vasco terminou com confusãoAndré Mourão

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Carioca

Os jogadores denunciados foram os flamenguistas Paulinho e Anderson Pico e os vascaínos Guiñazu e Bernardo. Os três últimos atletas se envolveram em uma confusão após o apito final do clássico. A situação mais tranquila é a de Paulinho, enquadrado no artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que se refere a impedir uma chance clara de gol. Ele pode pegar de um a três jogos de suspensão. Já os outros três envolvidos vivem situação mais complicada, pois estão enquadrados no artigo 257, que fala de agressões físicas. Se forem punidos, a pena varia de seis a dez jogos de suspensão.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Carioca

Não há nenhum prazo para o novo julgamento. O Flamengo já está classificado para as semifinais e busca terminar a fase qualificatória em primeiro. Uma vitória contra o Nova Iguaçu garante o título da Taça Guanabara. Já o Gigante da Colina precisa de um empate contra o Volta Redonda para avançar para a segunda fase do Carioca.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia