Neymar está próximo de entrar em lista dos dez maiores artilheiros da Seleção

Atacante já tem 30 gols pela equipe verde e amarela

Por O Dia

Rio - Neymar é uma máquina de bater recordes. Aos 22 anos, ele é o jogador mais caro da história do futebol mundial e, agora, chegou aos 30 gols com a camisa do Brasil — é o 11º maior artilheiro da Seleção. Para completar, ninguém que vai disputar a Copa tem média de gols melhor que o craque do Barcelona, que deseja utilizar o Mundial para desbancar Cristiano Ronaldo e Messi do posto de maiores astros do planeta.

Os craques de Portugal e Argentina dominaram a Bola de Ouro da Fifa nos últimos seis anos, mas nem assim tiveram números tão expressivos em suas seleções. Cristiano Ronaldo só chegou ao trigésimo gol por Portugal em 2011, contra a Dinamarca, aos 26 anos, com 85 partidas no currículo. Já Messi marcou o gol 30 pela seleção argentina na vitória sobre o Uruguai, no dia 12 de outubro de 2012, aos 25 anos, em seu 74º jogo pela equipe portenha.

Neymar vive grande momento pela seleção brasileiraReuters

Neymar alcançou os 30 gols pelo Brasil ao balançar a rede três vezes na vitória de 5 a 0 sobre a África do Sul, na quarta-feira. Ele já igualou Zizinho e superou Careca e Kaká, que têm 29 gols.

As próximas ‘vítimas’ são Tostão e Ademir Menezes, com 32 gols, e Jairzinho e Ronaldinho Gaúcho, com 33.

A goleada fez a presidenta Dilma Rousseff se render, mais uma vez, ao “show de Neymar Jr.”, em sua conta oficial no Twitter. “É uma vitória para animar os que acreditam que estamos no caminho certo para a Copa”, destacou Dilma.

Os números são ótimos, mas para entrar de vez na história da Seleção, Neymar vai precisar se inspirar em Pelé, que, aos 17 anos, em sua primeira participação, trouxe a primeira Copa para o Brasil.

Últimas de _legado_Copa do Mundo