Bélgica deslancha no segundo tempo e vence com facilidade o Panamá

Considerada uma das melhores equipes da Copa, a seleção europeia mostrou qualidade na estreia

Por O Dia

Romelu Lukaku (D) vibra com seu segundo gol
Romelu Lukaku (D) vibra com seu segundo gol -

Sochi - Com uma das melhores gerações da história do país, a Bélgica confirmou o favoritismo e estreou na Copa do Mundo da Rússia com uma vitória sobre o Panamá por 3 a 0, com um golaço de Mertens e dois de Lukaku, na abertura do Grupo G, no Estádio Fisht, em Sochi. A partida marcou a estreia dos panamenhos em Mundiais. Já os belgas, que têm como melhor resultado um quarto lugar em 1986, no México, chegaram à Rússia baladados por jogadores como Eden Hazard, Lukaku, De Bruyne e Courtois.

GALERIA: Bélgica estreia na Copa do Mundo com vitória fácil. Fotos!

Como era esperado, os belgas começaram a partida pressionando. Logo aos seis minutos, Mertens recebeu de Hazard e chutou para boa defesa de Penedo. Aos 11, outro lance de perigo da Bélgica: Torres tocou muito fraco ao tentar recuar para o goleiro Penedo e Hazard se aproveitou, chutando na rede pelo lado de fora. Os europeus também estiveram perto de abrir o placar aos 20, quando De Bruyne cruzou rasteiro para Lukaku, mas Torres fez o corte no lance.

CONFIRA A TABELA DA COPA DO MUNDO

Já no fim do primeiro tempo, Hazard invadiu a área e teve grande chance de abrir o placar em Sochi, mas Penedo apareceu bem para salvar o Panamá. Na volta do intervalo, o gol da Bélgica não demorou a sair. Com apenas dois minutos, após tentativa de cruzamento, a bola voltou para a entrada da área e Mertens pegou de primeira para marcar um golaço.

O Panamá ainda teve chance do empate com Murillo, mas Courtois fez a defesa no lance. E o segundo gol da Bélgica veio aos 25: Hazard fez bonita jogada pela esquerda e tocou para De Bruyne cruzar para Lukaku, o maio artilheiro da história do país, marcar de cabeça. E Lukaku ainda fez mais um gol, aos 30, ao receber de Hazard num contra-ataque.

Os belgas voltam a jogar no sábado, contra a Tunísia, em Spartak, enquanto o Panamá terá pela frente a Inglaterra, no domingo, em Nizhny Novgorod.

FICHA TÉCNICA

BÉLGICA 3 X 0 PANAMÁ

Local: Estádio Fisht (Sochi)

Árbitro: Janny Sikazwe (Zâmbia)

Cartões amarelos: Meunier, Vertonghen e De Bruyne (Bélgica), Davis, Barcenas, Cooper, Murillo e Godoy (Panamá)

Cartões vermelhos: -

Gols: 2º tempo - Mertens (2 minutos), Lukaku (25 e 30 minutos)

Bélgica: Courtois, Alderweireld, Boyata e Vertonghen; Meunier, De Bruyne, Witsel (Chadli) e Carrasco (Dembélé); Mertens (Thorgan Hazard), Eden Hazard e Lukaku. Técnico: Roberto Martínez

Panamá: Penedo, Murillo, Román Torres, Escobar e Davis; Gabriel Gómez, Cooper, Godoy, Bárcenas (Gabriel Torres) e Luis Rodríguez (Díaz); Blas Pérez (Tejada). Técnico: Hernán Gomez

Galeria de Fotos

Romelu Lukaku (D) vibra com seu segundo gol AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam pela primeira rodada do Grupo G AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Bélgica e Panamá se enfrentam no Estádio Olímpico de Sochi AFP
Belgas fazem festa na arquibancada AFP
Mertens vibra com seu golaço em Sochi AFP
Mertens vibra com seu golaço em Sochi AFP
Mertens vibra com seu golaço em Sochi AFP
Mertens vibra com seu golaço em Sochi AFP
Romelu Lukaku vibra com seu segundo gol AFP