México recebe multa após cantos homofóbicos contra goleiro alemão Neuer

Torcedores ignoraram os apelos da Federação Mexicana e reproduziram ofensas no jogo contra a Alemanha

Por O Dia

Torcida do México foi novamente punida por homofobia
Torcida do México foi novamente punida por homofobia -

Rússia - A Federação Mexicana de Futebol foi multada pela Comitê Disciplinar da Fifa em 10 mil francos suíços (equivalente a R$ 38 mil) após seus torcedores entoarem cantos homofóbicos na estreia da seleção contra a Alemanha. As ofensas foram contra o goleiro Neuer. Além da multa, a Federação Mexicana de Futebol recebeu uma advertência e pode enfrentar sanções adicionais em caso de reincidência na Copa do Mundo.

É a oitava vez que os mexicanos são sancionados de alguma forma pela Fifa devido ao grito. O México chegou a correr risco de perder de mando de campo nas Eliminatórias. Por isso, a federação intensificou a propaganda de conscientização de seus torcedores. A punição, agora oficializada, já era temida antes mesmo de a Copa começar.

A seleção sérvia também recebeu multa de 10 mil francos suíços, esta por seus torcedores terem exibido uma bandeira com viés considerado político durante a estreia contra a Costa Rica, no último domingo. O Comitê Disciplinar da Fifa não deu detalhes sobre as inscrições contidas no material.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia