Simeone enxerga seleção da argentina perdida: 'Não há liderança'

Técnico do Atlético de Madrid teve áudio vazado e criticou a Argentina pela falta de organização para o Mundial

Por O Dia

Simeone faz duras críticas à seleção argentina
Simeone faz duras críticas à seleção argentina -

Rússia - Com a derrota por 3 a 0 para a Croácia nesta quinta-feira, a Argentina está em momento complicado na Copa do Mundo e precisa conviver com as polêmicas nos bastidores. O técnico do Atlético de Madrid, Diego Simeone, teve um áudio vazado da conversa com seu companheiro de comissão técnica, Gérman Burgos, onde fazia críticas à equipe, sobre a falta de organização durante a preparação para o Mundial.

"Vamos por partes. O que está acontecendo neste momento é o que aconteceu nos últimos quatro anos desgraçadamente. Anarquia, não há liderança nem entre os dirigentes nem entre os que conduzem a equipe. Vejo que a equipe está perdida", disse.

O treinador confessou ainda que o rendimento do camisa 10 argentino, Messi, está abaixo do esperado e que se precisasse escolher entre o craque e o ídolo da seleção portuguesa, Cristiano Ronaldo, ele optaria pelo lusitano.

"Messi é muito bom, mas é muito bom porque é acompanhado de jogadores extraordinários. Se você tiver que escolher entre Messi e Ronaldo para uma partida, quem você escolheria?", afirmou.

Simeone não fez questão de esconder que não estava decepcionado com o goleiro Caballero, mas porque o mesmo já havia errado da mesma forma outras vezes.

"O goleiro, me diga a verdade, já tinha feito isso. Fez isso contra a Espanha, contra a Itália... Eu comentei com você", disse.

O técnico do Atlético de Madrid disse acreditar na tradição da seleção argentina e que o país conseguirá avançar na competição.

"Está ruim, mas é a Argentina e vai passar (para as oitavas). Espero não estar errado, mas acho que vai passar. Se ganham da Nigéria, podem passar, mas depende que a Islândia não ganhe nenhum dos dois próximos jogos", finalizou.

O próximo confronto da Islândia é com a Nigéria nesta sexta-feira. Até o momento, a Croácia está se classificando com seis pontos. Islândia e Argentina têm um e a Nigéria ainda não pontuou.

A Argentina enfrenta a Nigéria em São Petersburgo na próxima terça-feira, enquanto a Croácia encara a Islândia, em Rostov.