Comissão técnica da Seleção rebate declarações de Lugano

Zagueiro uruguaio questionou a escalação do árbitro chileno Enrique Osses para o duelo desta quarta-feira

Por felippe.franco

Minas Gerais - A comissão técnica da seleção brasileira rebateu, em nota oficial, as declarações de Lugano sobre o jogo desta quarta-feira entre Brasil e Uruguai, às 16h, no Mineirão. Ele questionou a escalação do árbitro chileno Enrique Osses para o duelo, válido pelas semifinais da Copa das Confederações.

Lugano se mostrou contrário à escalação do árbitro Enrique OssesCarlos Moraes / Agência O Dia

"Nada mais antigo e ultrapassado do que essa manifestação pré-jogo feita pelo zagueiro uruguaio. Lugano apela para um artifício já superado há muitos anos, um argumento gasto pelo tempo, que no futebol contemporâneo não faz mais sentido nem tem cabimento", afirmou a comissão, em nota divulgada no site da CBF.

No comunicado, a comissão técnica da Seleção diz ainda que "Lugano usa também a sua voz para opinar sobre Neymar, alegando que o craque brasileiro abusa das simulações para benefício próprio". E completa: "Quando questiona o comportamento de Neymar em campo, Lugano comete um enorme equívoco de pretenso analista, pois põe em xeque igualmente o que nenhum admirador do futebol ousa duvidar: o talento do camisa 10 brasileiro".

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia