Em Grande Fase
Coluna
Em Grande Fase
Com Edilson Silva

MENGÃO SÓ OBSERVA

Por O Dia

Único classificado para as semifinais da Taça Rio, o Flamengo está em outro patamar até na briga por uma vaga na próxima fase da competição. Agora, o papel do time de Jorge Jesus (foto) é observar os possíveis adversários. No Grupo A, Botafogo e Boavista, ambos com sete pontos, e Bangu e Portuguesa, que somam quatro, disputam a última vaga. Acredito que o Alvinegro se classifique, já que depende das próprias pernas e o Boavista, adversário mais próximo, enfrenta o Rubro-Negro ainda com fome de bola após a longa paralisação. No Grupo B, o Vasco renasceu das cinzas. Com cinco pontos, enfrenta o Madureira (seis pontos), em São Januário, e precisa vencer. Mas não só isso. Tudo depende do duelo entre Volta Redonda e Resende. O Voltaço tem sete pontos e, se perder, uma vitória simples do Cruzmaltino basta. Se empatar, o time de Ramon Menezes vai ter que ganhar por três gols de diferença. Uma coisa é certa: a última rodada da Taça Rio vai ferver!

COMPARADO A ABEL, RAMON É GUARDIOLA

Eu já esperava um Vasco bem diferente, mas a vitória contra o Macaé mostrou que a escolha de Ramon Menezes foi a melhor do Vasco em 2020. Claro, atrás da contratação do argentino Germán Cano. Finalmente eu vi futebol no Gigante da Colina e estou esperançoso com o trabalho que está sendo feito. Grande fase!

VITÓRIA DO FLA É DIVISOR DE ÁGUAS

O Flamengo conseguiu uma vitória parcial na Justiça e já até programou a transmissão da partida contra o Boavista, amanhã, pela Taça Rio, no YouTube. É um divisor de águas para o futebol brasileiro. Os serviços de streaming vão valer ouro, as rendas podem aumentar e a tendência é que as empresas estrangeiras cada vez mais passem a investir nesse tipo de transmissão. Uma nova era está começando.

BOTAFOGO VOLTOU A REVELAR

Caio Alexandre, Luiz Henrique, Benevenuto e Ruan Renato. Quatro jogadores que são titulares do Botafogo de Autuori e estão caindo nas graças da torcida. Bons de bola, conscientes e que estão fazendo o Alvinegro retomar uma velha característica: revelar atletas. É bom demais ver crias da base crescendo no futebol carioca.

Comentários