Nesta quinta, Felipe pode receber punição e ficar dois anos sem jogar

Goleiro será novamente julgado por declaração polêmica na decisão do Carioca contra o Vasco

Por pedro.logato

Rio - O goleiro Felipe, ao que parece, vive seu inferno astral. Barrado pelo técnico Ney Franco e na lista de jogadores que podem ser negociados, ele ainda corre o risco de ficar quase dois anos afastado dos gramados. Motivo? A polêmica declaração dada após a conquista do Carioca deste ano, contra o Vasco, de que “roubado é mais gostoso”. Mesmo absolvido em primeira instância, Felipe será novamente julgado nesta quinta, às 18h, no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) — a procuradoria de Justiça do Rio de Janeiro recorreu da decisão.

Felipe pode receber punição André Mourão / Agência O Dia

Caso pegue a pena máxima, terá de pagar multa de até R$ 100 mil e será suspenso por 720 dias. Felipe foi denunciado pelos artigos 258 (assumir conduta contrária à disciplina esportiva), 243-D (incitar publicamente o ódio ou a violência) e 243-F (ofender alguém em sua honra) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Se o momento é delicado para o Flamengo, que amarga o penúltimo lugar no Brasileiro, para Felipe é ainda mais complicado. Sem completar sete jogos, ele é considerado moeda de troca para o Rubro-Negro, que tem buscado novos reforços desde a chegada de Ney Franco.

ANDRÉ SANTOS QUER FICAR

Após o jornal turco 'AMK' publicar que André Santos voltaria ao Fenerbahce, após a Copa do Mundo, o lateral-esquerdo negou o desejo de sair do Flamengo. Ele explicou que apenas concedeu uma entrevista, há dois meses, cuja pauta foi a relação com o ex-clube e a vida na Turquia. André Santos ainda deixou claro que faz questão de cumprir seu contrato com o Flamengo até o fim — se encerra em junho do ano que vem.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia