Marcelo Cirino quer eliminar jogo de volta para diminuir maratona no Fla

Atacante alerta para sequência de viagens e pretende passar pelo Confiança, na estreia na Copa do Brasil, na partida de ida

Por fabio.klotz

Rio - Marcelo Cirino poderia ter feito aquele discurso básico de que "o Confiança é um grande time e não tem mais bobo no futebol", mas ele fez diferente e afirmou que o objetivo do Flamengo é, sim, vencer o Confiança, nesta quarta-feira, no Batistão, pela estreia na Copa do Brasil, por pelo menos dois gols de diferença para eliminar o segundo jogo.

Marcelo Cirino destaca importância de eliminar o jogo de volta pela Copa do Brasil Daniel Castelo Branco / Agência O Dia

"O Muricy nos passou informações sobre adversário. Pensamos na possibilidade de eliminar a volta porque estamos tendo uma carga de viagens grande", afirmou o camisa 7, que em seguida elogiou o adversário.

"Dentro de campo são 11 contra 11 e não podemos menosprezar nenhuma equipe. Temos de entrar focados para mostrar nossa qualidade", disse.

O técnico Muricy Ramalho só vai promover uma mudança no time que venceu o Madureira por 1 a 0. Gabriel dá lugar a Ederson, que foi poupado contra o Tricolor Suburbano. Mancuello, machucado, continua fora:

"Muda o entrosamento. Já estávamos acostumados com o Mancuello. A qualidade é parecida. São dois grandes jogadores. Não tem dificuldade de jogar com o Ederson", explicou Cirino.

O Flamengo deve ir a campo com: Paulo Victor; Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Cuéllar, Willian Arão e Ederson; Marcelo Cirino, Emerson Sheik e Guerrero.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia