Abel tem problemas para escalar o ataque na Liberta

Treinador não terá Gabigol, suspenso. Uribe e Bruno Henrique também são dúvidas

Por O Dia

Expulso contra o Peñarol, Gabigol será importante desfalque
Expulso contra o Peñarol, Gabigol será importante desfalque -

O técnico Abel Braga vai ter que quebrar a cabeça para escolher o substituto de Gabigol, expulso na derrota para o Peñarol, no duelo com o San José, quinta-feira, pela Copa Libertadores da América. Uribe, que torceu o tornozelo na semifinal do Carioca, também está fora do partida, deixando a missão do treinador ainda mais difícil.

O jovem Vitor Gabriel é o único centroavante à disposição no elenco, mas Abel pode até improvisar Bruno Henrique, opção que tem testado durante os últimos jogos. O problema é que o camisa 27 também é dúvida, já que sentiu dores na coxa durante o duelo com o Fluminense, sábado.

Já no meio de campo a pressão da torcida é grande pela entrada de Arrascaeta, que ficou no banco de reservas no clássico pelo Carioca e só foi a campo no segundo tempo da semifinal, na vaga de Diego. Ele também pode jogar na ponta-esquerda, mas ainda tem a concorrência de Vitinho, reserva imediato para a posição.

Questionado, Abel não quis entrar em detalhes sobre a opção de deixar o uruguaio no banco novamente. "O que falta e não falta (para Arrascaeta ser titular) vai ficar sempre comigo. Só uma coisa que tem que ficar claro: o Flamengo é escalado de dentro para fora. Outra coisa que é bom saber: em um clube de futebol, o treinador não é só comandante de uma equipe, ele é gestor de uma equipe composta por homens, atletas de caráter", disse o técnico.

Sem Berrío, também lesionado, a outra opção para o ataque é Lucas Silva, de 21 anos, que vem ganhando oportunidades no Carioca. O meia Reinier, maior promessa das categorias de base, também está inscrito na Libertadores, mas ainda não atuou entre os profissionais. Já o centroavante Lincoln, recuperando-se de lesão, só deve entrar na lista a partir das oitavas de final.

Comentários