Willian Arão - Eduardo Carmim/Parceiro/Agência O Dia
Willian ArãoEduardo Carmim/Parceiro/Agência O Dia
Por O Dia
Rio - Desde a chegada do técnico Jorge Jesus, Willian Arão tem sido um dos destaques da equipe do Flamengo. Sob o comando do português, o volante vem tendo boas atuações e "fez as pazes" com a torcida rubro-negra. No entanto, o bom momento do camisa 5 não é surpresa para Mozer, ex-gerente de futebol do time carioca.
"O Flamengo ganhou dois jogadores que recuperam a bola, organizam e atacam, que é o Gerson e o Arão. Quando eu trabalhava no Flamengo, defendia muito o Arão. Sempre disse que eu achava ele um jogador moderno, um jogador de Europa, porque eu identificava o trabalho que ele fazia", disse o ex-zagueiro.
Publicidade
Willian Arão chegou ao Flamengo em 2016, após uma saída conturbada do Botafogo. Na Gávea, conseguiu boas partidas em seu início, que inclusive lhe garantiu uma convocação para a Seleção. Porém, nos últimos meses, não vinha conseguindo ter um bom desempenho e passou a ser alvo de críticas da torcida, cenário que mudou com Jorge Jesus.