Defesa do Flamengo chega à melhor série sem sofrer gols no Brasileirão

Setor apresentou grande melhora após a chegada de reforços

Por Lance

Pablo Marí e Diego Alves
Pablo Marí e Diego Alves -
Rio - Gabigol, Arrascaeta, Bruno Henrique, Everton Ribeiro... Este quarteto, hoje, é responsável pelo maior brilho do Flamengo, por decidir jogos na frente e tornar o ataque rubro-negro o mais impiedoso do Campeonato Brasileiro. Mas a cozinha também está arrumada e não pode ter a sua importância escanteada.

Composto por Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís, o sistema defensivo titular do Flamengo parece, a cada jogo, fazer jus à qualidade de seus integrantes. Contra o Santos, por exemplo, a defesa chegou a quatro partidas consecutivas sem ser vazada pelo Brasileirão.

Quanto à competição por pontos corridos, é a sequência mais positiva da temporada - e não necessariamente com os mesmos jogadores. Já em relação à toda temporada, iguala a da equipe comandada por Marcelo Salles, interino que assumiu a vaga deixada por Abel Braga. Na ocasião anterior, ainda sem os dois badalados laterais e Marí, foram três partidas pelo Brasileiro e uma pela Copa do Brasil sem saber o que é ter a rede balançada.

Um componente essencial para a boa fase passa pelo alto nível de concentração, que não estremece ou "escolhe" jogo. E, antes dos confrontos, durante o aquecimento, uma cena tem chamado a atenção dos mais atentos: o quarteto abraçado e fechado em uma corrente entre si.

Contra o Santos, o "fechamento" dos quatro não permitiu que o time de Jorge Sampaoli, então vice-líder, desse sequer uma finalização na direção do alvo - assim como diante do Palmeiras. Rodrigo Caio reconheceu a ótima fase e, alijando o "oba-oba", externou que a mentalidade converge para evolução.

"Estamos coletivamente cada vez mais fortes e subindo o nosso nível. Ainda precisando evoluir muito, a partir do momento que a gente acha está bom, acontecem coisas que nos deixam para trás. Precisamos sempre pensar em melhorar, acredito que temos muito a melhorar como equipe. Ainda vamos atingir um patamar maior", disse Rodrigo Caio, na zona mista do Maracanã.

Atualmente, o Flamengo possui a quinta melhor defesa do Brasileiro, com 18 gols sofridos em 19 jogos. Com o time de Jorge Jesus cada vez mais sólido atrás, a tendência é que a média deste quesito caia. E o próximo teste será fora de casa, contra o Cruzeiro, pela 20ª rodada, às 17h deste sábado. A aguardar.

NÚMEROS DOS ÚLTIMO 4 JOGOS PELO BRASILEIRO

16ª rodada - Ceará 0x3 Flamengo - Sistema defensivo: João Lucas, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Renê / Finalizações certas dos rivais: 5 / Rebatidas: 38

17ª rodada - Flamengo 3x0 Palmeiras - Sistema defensivo: Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís / Finalizações certas dos rivais: 0 / Rebatidas: 14

18ª rodada - Avaí 0x3 Flamengo - Sistema defensivo: Rafinha, Rhodolfo, Pablo Marí e Filipe Luís / Finalizações certas dos rivais: 4 / Rebatidas: 18

19ª rodada - Flamengo 1x0 Santos - Sistema defensivo: Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís / Finalizações certas dos rivais: 0 / Rebatidas: 24

Comentários