Flamengo assina contrato profissional de sobrevivente em incêndio no Ninho

Zagueiro completou 16 anos recentemente e fechou com o Rubro-Negro até setembro de 2021

Por O Dia

Marx Lenin
Marx Lenin -
Rio - Um dos sobreviventes do incêndio do alojamento do Ninho do Urubu em fevereiro que matou dez jogadores da base do Flamengo, Kayque Soares, de 16 anos, assinou o seu primeiro contrato profissional nesta terça-feira. O vínculo do zagueiro passa a ser até setembro de 2021.
Natural de Tocantins, Kayque foi um dos 13 atletas que não precisaram ser hospitalizados após a tragédia. O zagueiro foi titular do sub-17 no Campeonato Carioca, mas não atuou na conquista do título do Campeonato Brasileiro, em cima do Corinthians.
Esse é o segundo sobrevivente que assinou contrato profissional com o Flamengo desde a tragédia no CT do clube. Em agosto de 2018, seis meses antes do triste ocorrido no Ninho do Urubu, o atacante Samuel Barbosa havia se profissionalizado.
 

Comentários